Não importa de onde você veio, importa é aonde você chegou…


0_1911

Assista ao vídeo da Tramontina

http://youtu.be/uzl5OM5DG68

valentin

“Um homem trabalhava como porteiro no pior lugar da cidade. Mas  que outra coisa poderia fazer aquele homem? O fato é que nunca tinha aprendido  a ler nem escrever. Um dia, entrou como “gerente” um jovem cheio de ideias, que  decidiu modernizar o estabelecimento. Ao porteiro disse:

– A partir de hoje, o senhor, além de ficar na portaria, vai  preparar um relatório semanal onde registrará a quantidade de pessoas que  entram e seus comentários sobre os serviços. – Eu adoraria fazer isso senhor, mas eu não sei ler nem escrever. – Ah! Sinto muito! Mas se for assim não poderá trabalhar mais aqui.

O porteiro sentiu como se o mundo desmoronasse. Que fazer?  Lembrou que, quando quebrava alguma cadeira ou mesa, ele a arrumava. Pensou que  esta poderia ser uma boa ocupação até conseguir um emprego.

Usaria o dinheiro que receberá para comprar uma caixa de  ferramentas completa. Como o povoado não tinha casa de ferragens viajaria dois  dias em uma mula para ir ao povoado mais próximo para realizar a compra. E  assim fez.

No seu regresso, um vizinho comprou seu martelo e pagou pela sua  viagem. Outros vizinhos lhe compraram um alicate, uma chave de fenda, um  martelo e uma talhadeira. Já que eles não tinham tempo para viajar.

A notícia começou a se espalhar pelo povoado e muitos, querendo  economizar a viagem, faziam encomendas. E nosso amigo guardou as palavras que  escutara muitas vezes: ‘não disponho de tempo para viajar para fazer compras’.

Um dia ele lembrou de um amigo seu que era torneiro e ferreiro e  pensou que este poderia fabricar as cabeças dos martelos. E logo, por que não,  as chaves de fendas, os alicates, as talhadeiras, etc… E após foram os pregos  e os parafusos…

Em poucos anos, ele se transformou, com seu trabalho, em um rico  e próspero fabricante de ferramentas. Um dia decidiu doar uma escola ao  povoado. Nela, além de ler e escrever, as crianças aprenderiam algum ofício.

No dia da inauguração da escola, o prefeito lhe entregou as  chaves da cidade, o abraçou e disse: – É com grande orgulho e gratidão que  pedimos que o senhor Valentin, Valentin  Tramontina fale algumas palavras  aos nossos alunos…”.

Lembre-se  da sabedoria da água: ‘A água nunca discute com seus obstáculos, mas os contorna’  e se alguém lhe fechar uma porta, não gaste energia com o confronto, procure as  janelas.

fonte: http://menegatti.srv.br/

Anúncios

5 Comentários (+adicionar seu?)

  1. lista de emails
    fev 01, 2013 @ 11:28:07

    i appreciate you sharing this information here. it was a brilliant post. thanks! lista de emails lista de emails lista de emails lista de emails lista de emails

    Responder

  2. lista de email
    jan 29, 2013 @ 15:43:19

    Responder

  3. lista de emails
    jan 29, 2013 @ 13:05:39

    Responder

  4. lista de emails
    jan 14, 2013 @ 16:46:25

    nice information, many thanks to the author. lista de emails lista de emails lista de emails lista de emails lista de emails

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: