Swap Party – finalização

lembrancinha: marshmallow

Vinho quente, boa música, descontração e boas risadas foram os ingredientes do último evento.

Algo diferente e inusitado que resultou em boa conversa e ‘boas compras’.

Adorei a festa e espero ter correspondido as expectativas.

Obrigada a todas que compareceram.

Abraços meninas!

Swap Party – 6

Quando o consumo responsável e sustentável chega ao guarda-roupa.

A recessão fincanceira do ano passado mexeu com o bolso e a vida das pessoas, que passaram a adotar certos comportamentos na hora de consumir e buscar lazer. Alguns pontos fortes desse comportamento podem ser destacados:

1. Comprar apenas o necessário: o consumidor aprendeu a controlar os desejos, passando a comprar apenas o que precisa e procurando fugir de situaçãoes impulsivas.

2. Sustentabilidade: foi aplicada a todos os aspectos da vida, antes de comprar o consumidor vai tentar reaproveitar o que já tem.

E a partir dessas duas mudanças surgiu, também, um tipo diferente de consumo de moda em países da Europa e nos Estados Unidos. Juntamente com um tipo diferente de festa.

As clothing swaps já são bem famosas no Hemisfério Norte, as pessoas juntam-se para trocar roupas que não usam mais, mas que estão em bom estado. Embora as primeiras manifestações desse tipo de comportamento começaram em grupos de amigas, que trocavam ou vendiam a preços muito baixos as roupas entre si, passaram a surgir também lojas especializadas nessas trocas (aqui no Brasil a primeira loja desse tipo foi aberta neste ano em São Paulo, a Super Cool Market).

Essas iniciativas são uma boa forma de reciclar e ainda consumir sem culpa.

Então, em Londres (ao que tudo indica), deixaram essa troca um pouco mais divertida e surgiram festas com essa temática. A do club Favela Chic é a mais famosa. Você vai vestido com uma roupa que não quer mais e a cada batida de gongo você troca uma peça de roupa com alguém que está por perto. Esse tipo de movimento está ficando tão popular que agora até existem empresas produtoras de swap parties.

Swap Party – 5

E então?  O que você acha da Swap Party? Você se vê participando de uma reunião assim?

Escreva para nós – dê sua opinião e sugestão sobre essa divertida alternativa para limpar e renovar seu armário.

Veja o vídeo também em:  http://www.videojug.com/film/how-to-host-a-clothing-swap-party

Aguardo seu email ou telefonema para confirmar sua presença. (silviarita@ig.com.br)

fonte: http://mily1ideias.wordpress.com/2010/02/10/swap-party-a-nova-moda-e-reusar/

Swap Party – 4

É muito importante que todas as participantes entendam que estão trocando algo que não usam mais, por algo que poderão usar. Dito isso, fica claro que  as peças não têm um preço definido.Uma bolsa vale uma bolsa, uma blusa vale uma blusa. Para evitar desentendimentos, deixe claro se a festa é de troca de itens de qualquer marca ou exclusivamente de MARCAS FAMOSAS.

6. Providencie um espelho, ou libere um cômodo para quem queira experimentar a nova peça.

7. Para garantir uma certa organização no processo de escolha das peças, use o SORTEIO. Espere a chegada de todas as convidadas e comece o sorteio, que definirá a ordem de escolha das peças. Cada participante escolhe uma peça por vez. Se você quiser mais diversão e emoção nesta reunião, esqueça números e o sorteio e faça uma montanha com todas as peças misturadas, no meio da sala. Quando todas as participantes estiverem presentes, grite: ATACAR … e deixe rolar! Um conselho para evitar brigas, nesta modalidade – sugerimos que todas as convidadas sejam muuuuuito amigas!!!!!

Swap Party

Olá meninas do MI,

Domingo está próximo e conto com vocês na nossa reunião. Por favor, não se atrasem.

Algumas sugestões:

1) Que tal, no sábado, fazermos aquela faxina no guarda-roupa e retirarmos aquilo que não usamos mais? Para isso, sugiro levarem mais que 2 peças conforme o convite. Vamos levar umas 5 peças. Caso não tenham tudo isso, não se preocupem. Levem o que tiverem!

2) Que tal, além de roupas, levarem bijuterias, bolsas, cintos, chapéus, etc?

3) Pensem também em nomes de instituições para que possamos definir o destino das peças que ficarem ‘encalhadas’.

4) Não deixem de levar um prato doce/salgado e/ou refrigerante, ok?

Grande abraço!

Swap Party – 3

Meninas do MI,

Hoje apresento mais 3 dicas:

3. Escolha músicas divertidas para animar a reunião e providencie bebidas e petiscos leves. Se houver uma forte proximidade entre as convidadas, cada uma pode trazer um pratinho de “doce”ou “salgado”.

4. Faça pequenos cartões numerados, em duplicidade, um para ser dado à convidada assim que chegar e outro para ser depositado em uma “urna” de sorteio.

5. No dia da festa, defina lugares onde as convidadas possam colocar suas peças separadas – o canto das bolsas, o das blusas e o das calças – podem ser muitos montinhos , dependendo das categorias de itens pessoais que forem fazer parte da festa. Isso facilitará a observação e a escolha das peças.

Swap Party – 2

Amigas do MI,

Caso você goste do evento e queira realizar em sua casa, com amigas e familiares, passo abaixo 2  dicas.

Amanhã, passarei mais.

1. Escolha uma boa data e horário, quando familiares e amigas possam se deslocar sem grandes mudanças de rotina. Enviar o convite com antecedência pode garantir a presença maciça de suas convidadas.

2. Faça um convite divertido, explicando o que é esse evento e dispare por e-mail. Estabeleça como regra, que cada convidada traga um mesmo número de peças. Por exemplo: Traga uma bolsa, uma blusa e uma calça que não usa mais. Mas atenção! Suas peças têm que estar em perfeito estado de conservação, como novas. Lembre-se, o foco é se desfazer de algo que está em perfeito estado, mas que não serve mais ou que você já enjoou e sair com uma coisa bem legal, diferente, que você sabe que vai usar. Informe também que as peças que sobrarem por não terem sido escolhidas, poderão ser doadas para uma instituição, a escolha das participantes ou então, podem ser vendidas para um brechó, dando continuidade à cadeia de “reusar”.

 

Entradas Mais Antigas Anteriores

%d blogueiros gostam disto: